domingo, 30 de dezembro de 2012

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

sábado, 15 de dezembro de 2012

De repente, Mr. Vale.

      Cristais pontiagudos e cortantes de mineral fotografado no Natural History Museum em Londres
 
 
De repente, Mr. Vale, você se dá conta de que seu amor próprio é o que lhe sustenta
de que as pessoas nunca se sentiram obrigadas a nada com relação a você
de que cada pessoa é única e que os sentimentos são expontâneos
 ------
De repente, Mr. Vale, você descobre que o individualismo domina as pessoas
e que a socialização é apenas um 'mal necessário'.
Que na sociedade predomina os interesses próprios e que a coletividade é uma farsa!
------
De repente, Mr. Vale,  você se convence de que os líderes são todos 'de barro'
e que, como líderes de barro, quando cai-lhes um dedo, transborda-lhes a falsa modéstia!
e que quando  lhes demandam -'Parla'- , vomitam asneiras uma atrás da outra...
 ------
De repente, Mr. Vale, você descobre que gênios existem...e que deixam obras imortais
que lhe arrancam lágrimas e aguçam sua criatividade...
De repente, Mr. Vale, você se dá conta de que o universo é muito mais que isso
e que você é muito menos do que imagina!
------
De repente, Mr. Vale.....vc descobre que tudo : os amores, os fatos,
As alegrias, os dissabores, os atos..
E tudo mais, surge  .....  'de repente'!

SeuGirD'Or Oruam

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Mundo cão






Ditado popular:
Em terra de pastor, vira-lata não tem vez!
Este era Farol, cachorro valente, da casa de meus pais,
Tomava conta da casa da rua Tapajós...
um dia, rasgou uma das pernas de minhas calças
e me obrigou a fazer delas uma bermuda!!!
Lá na casa de meus pais,para Farol,
qualquer intruso era um vira-lata.
Bons tempos da Tapajós, do Farol, das calças que viraram bermudas!
Imponente era Farol!!!
Com seu porte de pastor, era um valente vira-lata!

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Mar Revolto!

Gosto de ficar observando as núvens sempre e todas as vezes me surpreendo com as formas que estas, às vezes, tomam.. quem nunca parou para observar núvens? quem nunca viu 'coisas' desenhadas por elas? Outro dia fui premiado com uma formação espetacular que se parecia um mar revolto em uma praia rochosa, com uma árvore em primeiro plano...tentei captar a imagem que reproduzo para vocês! Achei interessante a aparência de folhas curvadas das núvens mais escuras! O título é o que a imagem me sugeriu no momento!

domingo, 7 de outubro de 2012

Por aí....Fotografando para você aqui no SHUTTER






Como duas lindas dançarinas de Flaminco!


E do jardim suspenso surge o predador...
 

Carcará, pega mata e come!


 Carcará em pleno vôo...sorte a minha....rsrs


  
Ipé branco


O pulo da saíra!

sexta-feira, 5 de outubro de 2012

O Enigma de Moisés e a Política Atual!

Para Sigmund Freud, em sua obra 'Moisés e o Monoteísmo - Três Ensaios', a dificuldade maior era saber o que teria levado  Moisés, um egípcio aristocrata - um príncipe, talvez, ou então um sacerdote ou alto funcionário - a colocar-se à testa de uma multidão de estrangeiros imigrantes, num nível atrasado de civilização, e abandonar seu país com eles. Existia um desprezo pelos egípcios com relação aos estrangeiros naquela época!
Uma outra dificuldade, surgida diretamente daí foi que Moisés foi não apenas o lider politico dos judeus estabelecidos no Egito, mas tambem seu legislador e educador, forçando-os a se porem a serviço de uma nova religião, que até hoje é conhecida, por sua causa, como a RELIGIÃO MOSAICA.
O método de Moisés para formar sua religião a partir de unidades distintas e separadas estava sendo usada no Brasil na política...surge um líder que logo se acha um deus, reúne em torno de sí um grupo de pessoas e forma um partido tendo como base a MORAL e os BONS COSTUMES...a CORRUPÇÃO era tratada como pecado mortal...mas, o novo ser endeusado e dominado por seus complexos de grandeza reuniu em torno de sí grupos distintos formando um PARTIDO MOSAICO onde a corrupção era usada como moeda de troca...
Moisés falava de Deus e formou uma grande religião onde o bem impera e deixou milhões de seguidores...  
Já o polítiquinho semi-deus que prefere a ganância do poder e as tetas do Estado, esqueceu-se que o povo em nossa época já é mais esclarecido e não se deixará enganar mais por 'salvadores da pátria'!

Mata da Vila, Embaúbas, Flores e Lua

Especialmente para você que visita o blog com frequencia,
mostro um pouco da mata nativa no bairro Vila Tanque
E chamo sua atenção para o alvo das embaúbas
que na primavera realça suas folhas e as destaca na mata.


Por aqui circulam animais selvagens : pacas, tatús, quatís, gambás, cobras diversas,
pássaros nativos e migrantes, mansos e predadores...
e muitas árvores...que enfeitam e descansam a visão.


Eventualmente, comparações são feitas, em vultos que surgem nos claros e nas sobras do verde


Eventualmente, um jardim suspenso se destaca!!!


Outros tipos surgem, igualmente majestosas, ora num tom beje, ora num tom marrom


ou num tom de branco sobre verde, que no anoitecer se exibem  

Beijos anunciam um lindo início de noite...





A  lua surgindo para a mata, à noite, iluminar!





domingo, 30 de setembro de 2012

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Tempestade.


Os ventos fortes que sopram arrancando assovios das frestas de portas e janelas
Que vergam os galhos das árvores e espalham suas folhas secas pelo chão
Estes sons parecem sinfonias que soam harmoniosamente em meus ouvidos, de tão belas!
E se misturam com todos estes pensamentos que transbordam felicidade em meu coração.
MLR

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Fim de tarde!

Vendo o dia passar, a tarde avançar e torcendo para que a noite que está para chegar seja de paz e alegria, linda como este final de dia!
MLR

domingo, 23 de setembro de 2012

A longa espera

Quando uma espera é demasiado longa e inesperada, analise os fatos..pode ter surgido algo mais importante que a acarretou..neste caso, siga em frente pois novos desafios aguardam e podem demandar sua análise fria e imparcial para que, desta vez, seja bem sucedido ao enfrentar a longa e tortuosa estrada da vida!
MLR


A camera ,os fotógrafos e os enamorados!

Entre os fotógrafos, os 'paparazzi' mais abusados a chamam de 'amada indiscreta', alguns amadores mais apaixonados, de 'pedacinho de mim'... outros a tratam como uma jóia e a chamam de  'pedrinha preciosa'...são todos adjetivos usados entre pessoas apaixonadas (uma maneira carinhosa delas dizerem: eu te amo, amado ser humano). Mas, e a FOTOGRAFIA?  -  Esta é uma arte verdadeiramente cativante...  enquanto os homens se apaixonam pelo assedio de sua amada, os fotógrafos se apaixonam mais pela qualidade e pela beleza da imagem que suas cameras podem captar... Viva a arte e a beleza proporcionada pela fotografia!

sábado, 22 de setembro de 2012

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Pétalas de flor

A felicidade é como a gota
De orvalho numa pétala de flor
Brilha tranquila
Depois de leve oscila
E cai como uma lágrima de amor
T.Jobim

terça-feira, 4 de setembro de 2012

Blog ou Luvas de Boxe?


Quando eu estudava no Senai, o diretor da instituição, Sr. João de Oliveira Freitas, um dos homens mais admiráveis que conhecí, agia da seguinte maneira quando se deparava com uma briga entre valentões da escola:
-Pegava dois pares de 'luvas de boxe', calçava nas mãos dos 'brigões' e os punha para lutar perante todos os outros alunos da escola...assistí a este episódio uma vez e todos se divertiam vendo a 'briga' transformada em luta legal... o melhor destas lutas é que o caso se resolvia por alí..ninguém tinha a ousadia de repetir a façanha que levava o diretor a tal ousadia e o 'bullying' na escola práticamente não existia. Hoje essa prática seria condenável, mas os alunos viam como uma coisa sadia uma luta legal ser usada como corretivo!
Hoje as luvas de boxe foram substituídas por blogs..e, pior, as brigas não se resolvem. Pelo contrário, se transformam em discussões intermináveis que não levam a lugar nenhum e a única coisa que faz é alimentar o ódio entre os dois 'brigões'.
Quanta saudade do Sr. João 'Peixe' e suas famosas luvas...como eu gostaria de ver de novo este episódio se repetindo entre os 'brigões' da vez!